Fabricantes de luvas de borracha da Malásia poderiam se beneficiar da briga comercial entre os EUA e a China

20/07/2018
Fabricantes de luvas de borracha da Malásia poderiam se beneficiar da briga comercial entre os EUA e a China

Kuala Lumpur, Malásia - O instituto de pesquisa Affin Hwang Research afirma que os fabricantes de luvas de borracha da Malásia podem se beneficiar da disputa comercial entre os EUA e China, uma vez que uma tarifa está sendo imposta às luvas de borracha / plástico da China.

A casa de pesquisa observou que as luvas estão na lista de 200 bilhões de dólares de produtos chineses que estarão sujeitos a um imposto de importação de 10%. "A tarifa de 10% sobre luvas médicas (borracha / sintético e plástico) certamente prejudicará a competitividade dos fabricantes chineses, já que as margens brutas de lucro para os eficientes fabricantes da Malásia são de 15% a 20%. Acreditamos que os exportadores da Malásia serão beneficiadas, com base na sua quota de mercado de 60% ", disse o relatório.

A Affin Hwang observou que os EUA consomem de 30% a 25% das luvas médicas do mundo e a introdução da tarifa provavelmente irá acelerar os planos de expansão dos fabricantes chineses para a produção de luvas de nitrilo no curto prazo. Acrescentou ainda que cerca de 70 por cento das luvas médicas exportadas da China para os EUA são luvas de vinil, sendo os restantes 30 por cento borracha / borracha sintética. "Acreditamos que o aumento dos preços ajudaria a construir um melhor caso para os distribuidores, que já estão empurrando seus clientes para mudar de luvas de vinil para outras alternativas como luvas de borracha, devido à redução das diferenças de preço. "Se a China continuar com sua rígida política ambiental durante os meses de inverno (a partir de outubro), esperamos que os preços das luvas subam ainda mais."

O instituto de pesquisa acrescentou ainda que não está preocupado com o aumento da capacidade de 10% para 15%, apesar do crescimento histórico da demanda de 8% a 10%, já que os participantes do setor devem descontinuar seus planos de expansão para proteger a demanda e as margens, se necessário. Ele acrescentou que a demanda também pode receber um impulso da troca de luvas de vinil.

Fonte: Rubber World

Voltar
Parceiros

Newsletter ABTB